Queda de Cabelo – O que fazer? Principais Causas e Tratamentos.

Como parar a queda de cabelo? É possível? Perder os cabelos de forma rápida é o prenuncio da calvície. Desta forma, diminuir a velocidade da  queda desenfreada é a única forma de prevenção de qualquer tipo de calvície. Isto vale tanto para homens como para mulheres.

Qualquer um pode ter problemas ou genética para perder cabelos. As causas são muito variadas. Portanto, para diminuir a queda, devemos identificar as causas com a ajuda de um especialista.

A queda normal de cabelo costuma ser de 100 fios diários. A queda é um fenômeno natural do chamado ciclo do cabelo. O bulbo capilar (chamado de raiz do cabelo), produz o cabelo por muito tempo. Mas para de sintetizar a proteína do cabelo por algumas semanas.

Depois ocorre a queda do fio. O bulbo adormece e só fara nova produção de proteínas do cabelo após meses. Quando esse ciclo de crescimento e queda aumenta sua velocidade, o ciclo fica mais curto e os cabelos caem em maior número.

Existem fatores responsáveis pelo aumento da velocidade do ciclo. Vou citar algumas que encontro frequentemente no consultório de cirurgia plástica e implante de cabelo: oleosidade capilar, caspa, estresse, depressão, diabetes, descontrole hormonal da tireóide, uso de anabolizantes, cigarro/tabagismo, traumas locais no couro cabeludo, compressão do couro cabeludo e genética para alopécia.

Avaliacao implante capilar

Poderia citar outras causas, mas seria uma lista muito longa. Desses fatores responsáveis, o mais importante é a genética para a queda do cabelo. Tanto homens quanto mulheres podem possuir genes favoráveis à queda de cabelo.

De fato, é muito mais comum a presença de calvície genética no homem. Quando a genética se manifesta no homem a doença é chamada de Alopécia Androgenética Masculina (AAM) e na mulher é chamada de Alopécia Androgenética Feminina (AAF).

Ficar calvo ou com cabelos rarefeitos diminui a auto-estima, aumenta os riscos de depressão. Perde-se a vontade de se arrumar, vestir, maquiar e se relacionar com os outros.

O melhor tratamento é a prevenção. Diminuir o ritmo de queda evita a calvície precoce. Quando isso já não é possível, deve-se optar pela cirurgia de implante capilar.

 

Quais as principais causas da queda de cabelo em homens e mulheres?

As principais causas são:

  1. Alopécia Androgenética (Masculina ou Feminina): a causa é genética e o que fazemos é “enganar” o organismo com medicações e tratamentos. Isso retarda a queda e faz com que a pessoa adie ou impeça a necessidade de realizar um implante capilar.
  2. Doenças Sistêmicas: são aquelas que afetam todo o organismo. Em geral são as doenças hormonais como o Diabetes, hipertiroidismo, hipotireoidismo, falta de estrogênio,etc. A maioria dessas doenças podem ser controladas e isso leva a uma melhora da queda de cabelo.
  3. Doenças locais do couro cabeludo: são várias as doenças. Podem ser infecciosas (fungos, por exemplo), dermatites atópicas, doenças auto imunes, etc. Deve-se procurar um especialista para identificar a causa e tratá-la adequadamente. O tratamento também inclui o uso de medicações específicas para a queda.
  4. Alopécia Areata: tem um motivo emocional. Pode afetar o cabelo ou mesmo a barba nos homens. O tratamento é feito com a melhora do quadro emocional e algumas medicações locais para estímulo dos cabelos.
  5. Queda de cabelo pós agressão química: é muito comum nos dias atuais com o uso de fórmulas para alisar e tingir o cabelo. Teoricamente, qualquer fórmula química que modifique a estrutura das proteínas do cabelo pode atuar e irritar o couro cabeludo e favorecer a queda do cabelo.
  6. Doenças raras como a alopécia fibrosante podem ser responsáveis. Mas o diagnóstico dessas doenças é difícil e o tratamento é crônico.

Saiba mais: Calvície tem cura? Tire suas dúvidas sobre a calvície e seus principais tratamentos.

O que fazer e como posso saber se meu cabelo está caindo em excesso?

Sempre oriento observar os fios que caíram. Cabelos pequenos e finos em relação ao cabelo normal sugere ser uma queda patológica. Isso ocorre pela miniaturização dos cabelos.

O ciclo de crescimento do cabelo está tão rápido que o cabelo não tem tempo de se desenvolver e formar um fio maduro e saudável.

Agende uma avaliação do seu caso. Clique aqui!

Existe alguma relação hereditária na queda de cabelo e na calvície?

A principal queda de cabelo é a hereditária. A genética é poligênica, ou seja, existem diversos genes responsáveis.

Quando uma pessoa tem muitos genes afetados, a calvície tende a ser mais agressiva e ocorrer em uma idade mais precoce.

É possível haver queda de cabelo após alisamento? O que fazer?

Sim. Já tive casos no consultório de mulheres que perderam faixas de cabelo e necessitaram de implantes para resolver a calvície.

Saiba mais: Implante de Cabelo: Como é feito, Como funciona?

A queda de cabelo é falta de quais vitaminas?

A hipovitaminose pode estar associada. Mas devido à oferta maior de alimentos ricos em vitaminas (temos leite, farinhas, margarinas enriquecidas de vitaminas por exemplo) essa possibilidade é menor.

Uma das orientações que faço para quem tem queda acentuada de cabelo é a de fazer uma alimentação completa e rica de frutas e verduras. As principais vitaminas que estão associadas à síntese de proteínas do cabelo são as vitaminas A, B e C.

Agende uma avaliação do seu caso. Clique aqui!

Como tratar a queda de cabelo?

Primeiramente procurar um especialista. Tentar identificar a causa. Pode ser realizado o uso de medicações, tratamentos locais com esteticistas e eventualmente a cirurgia de implante capilar.

Existe algum tipo de tratamento natural?

Recomendo algumas coisas: alimentação com frutas e verduras, pouca gordura, lavar o cabelo regularmente uma ou mais vezes ao dia com xampu neutro, evitar o desgaste emocional e estresse com atividade física regular.

Remédios para tratamento da perda de cabelos.

São várias as alternativas medicamentosas: estradiol, minoxidil, fatores de crescimento, finasterida, latanoprostol, bimatoprostol, entre outras. Quem deve decidir o uso é o especialista de implante de cabelo.

Não deixe o cabelo cair de forma descontrolada. A calvície pode ser prevenida e retardada. Se você identificou alguns dos sinais e sintomas relatados anteriormente, sugiro que procure um especialista.

A calvície tem tratamento e controle. O principal fator é atuar preventivamente no inicio da calvície. Devemos identificar os fatores causadores.

Caso a calvície não seja controlada e evolua para áreas de perda grande, não se desespere! Ainda há uma solução: o implante capilar.

Não gosto de escolher o implante de forma prioritária naqueles casos que podem ser prevenidos. Gosto de avaliar e medir o custo e o benefício do implante capilar.

Se for necessário implantar cabelo, não tenha receio! Os resultados hoje são muito naturais.

Quer marcar uma avaliação com nossa equipe? Clica nesse link QUERO AGENDAR UMA AVALIAÇÃO. Nela veremos se há indicação. Se houver indicação, não haverá motivos para não fazer!

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *